ONG Recode promove visita a bibliotecas inovadoras no Chile

23.05.2017
Destaque

Diretamente de Santiago, no Chile, a ONG Recode proporcionou uma imersão sobre experiências inovadoras em bibliotecas públicas para três bibliotecárias participantes da fase inicial do programa Conecta Biblioteca. De 15 a 19 de maio, o grupo conheceu espaços que são modelos de contribuição para o desenvolvimento de comunidades.

Andrea Brito (Biblioteca Álvaro Pina de Andrade – BA), Eunice Pigozzo (Biblioteca Castro Alves – RS) e Ana Maria Silva (Biblioteca Argentino Lopes Tristão-ES) realizaram a viagem como reconhecimento pelos projetos realizados entre 2015-2016 com o uso da tecnologia. Rita Jobim e Andrea Ribeiro, do time da ONG Recode, acompanharam a experiência.

“As pessoas que nos receberam demonstraram como as bibliotecas podem mudar a vida das pessoas e buscam todas as alternativas para isso, principalmente a escuta da comunidade”, conta Eunice Pigozzo.

Confira alguns destaques:

  •  Biblioteca Pública de Santiago: Modelo no país, oferece cursos de literacia digital e programação e tem espaços temáticos especiais de leitura para todas as idades, de bebês a idosos. Além de livros, empresta instrumentos musicais e audiobooks.

 

  • Bibliometro: Guichê localizado em várias estações de metrô da capital, processa mais de 4 mil empréstimos por mês, com a facilidade de entrega e devolução de livros no percurso dos usuários do transporte.

 

  • Biblioteca Pública Digital: Fundada há 4 anos, tem 12 mil títulos digitalizados de 140 editoras chilenas, com livros que podem ser lidos no tablet ou no computador.

 

  • Biblioteca Pública Pablo Neruda: Disponibiliza o serviço de atendimento psicológico para usuários. No dia da visita, o tema foi a condição das mulheres na comunidade. É um espaço de convivência e participação cidadã.