window.dataLayer = window.dataLayer || []; function gtag(){dataLayer.push(arguments);} gtag('js', new Date()); gtag('config', 'UA-20732535-1');

Futuro cineasta redescobre a escola

2022-01-06T18:55:36-03:008 de fevereiro de 2019|NOSSAS HISTÓRIAS|0 Comments

[:pt]

“O skate salva. O esporte salva. A cultura salva.” A mensagem que encerra o vídeo em 360° “Lollapallango – Santo Amaro”, vencedor do II Festival Regional Sudeste, também reflete a história real de um dos realizadores do curta. Gean Guilherme, 19 anos, conta que a chegada do projeto Cineastas 360 no Colégio Estadual Souza Aguiar, no Rio de Janeiro, foi o estímulo que ele tanto precisava para continuar na escola após dois anos afastado.

“Para um projeto desses chegar numa escola estadual, que não tem muitos recursos, me fez acreditar no nosso ensino. E eu quis me envolver e dar o meu melhor”, conta ele, que havia largado a escola por falta de interesse e também para priorizar trabalhos esporádicos na área de design e audiovisual como freelancer.

A pedido da mãe, voltou a frequentar as aulas no início de 2018, mas ainda não estava certo da decisão. Com o projeto da Recode e do Facebook, encontrou motivação, interesse e, acima de tudo, descobriu uma nova forma de se relacionar com colegas e professores. “Mudou completamente nossa convivência durante as aulas. Permitiu a gente se conhecer melhor, desenvolver outras habilidades”, descreve.

O vídeo produzido pela turma de Gean possibilitou mostrar ao mundo um dos lados positivos da comunidade onde vive, o Morro Santo Amaro, na zona Sul. O curta acompanha as ações sociais para crianças do festival Lollapalango, idealizado pelo coletivo de skatistas Ademafia, do qual faz parte. E, agora, Gean se prepara para mais um passo importante. Será estagiário de Audiovisual na Recode, onde terá a chance de seguir aprendendo e inspirando outros jovens de comunidades.

[:]

Go to Top